quinta-feira, 3 de julho de 2014

IEC DE BELFORD ROXO EDUCANDO CONTRA A DENGUE
          A Equipe de Educação do IEC, formada por servidores da prefeitura de B. Roxo, está desenvolvendo um forte trabalho de conscientização para os alunos da rede pública e escolas particulares do município.  
          Nesta Quinta feira dia 03 de julho, a palestra aconteceu na Escola Baronesa de Saavagre no bairro São Bernardo.  
          O evento contou com a presença do Sub Secretário de Vigilância Ambiental em Saúde Márcio Bravim, que aproveitou para bater um papo com a galerinha miúda.  
          Apesar do índice apresentado pela Lira, apontar o bairro da Pian como o único acima do nível de infestação tolerado, alerta vermelho, os trabalhos estão acontecendo em toda a região do entorno e bairros em alerta amarelo.
Redação: Tony Ribeiro

terça-feira, 27 de maio de 2014

POPULAÇÃO É ATENDIDA NA UBS DE ANDRADE ARAÚJO
          A equipe de comunicação da Secretaria de Saúde de Belford Roxo visitou o Posto de Saúde de Andrade Araújo pra conhecer os problemas e o que o posto oferece a população.  
          Segundo Alexandre Freitas, o administrador da UBS, um problema que o Posto enfrenta é o fato de ser muito próximo da divisa do município e com isso atende uma demanda maior que o previsto.  
          Mas com todas as dificuldades as pessoas que aguardavam pra ser atendidas demonstraram muita simpatia pelos atendentes do posto e elogiaram muito os médicos.  
          Única reclamação foi referente ao tempo de espera, mas a opinião foi unânime de que até hospital particular a demora existe.
Redação: Tony Ribeiro

sábado, 24 de maio de 2014

Profissionais de saúde em Belford Roxo
são treinados em Seminário pra melhor atendimento
a pacientes com doenças raras
          Nesta sexta-feira dia 23, aconteceu no auditório do ABEU, a realização do Seminário sobre doenças raras, o Dr. João Gabriel responsável pelo polo de atendimento a doenças rãs de Belford Roxo ministrou a palestra junto com outras pessoas especializadas. Marcio Bravim, Subsecretário de Saúde, destacou a importância do atendimento de qualidade. A doença abordada nesse evento foi a doença de Pompe que atinge na proporção de 1 para 40 mil.  
         

SINTOMAS DA DOENÇA DE POMPE PRECOCE
Os sintomas da doença de Pompe precoce é diagnosticada em bebês. Os sintomas nestes casos costumam aparecer por volta dos dois meses de idade e o diagnóstico de Pompe é feito, em média, três meses depois, por apresentarem:
• Fraqueza muscular progressiva
• Falta de firmeza no pescoço
• Desenvolvimento motor deficiente para a idade
• Língua grande que, em geral, não cabe dentro da boca
• Falta de reflexo
• Fraqueza respiratória progressiva com desenvolvimento de insuficiência respiratória
• Infecções respiratórias frequentes
• Morte devido à insuficiência cardiorrespiratória, em geral antes do primeiro ano de vida 
• Coração grande (cardiomegalia) com hipertrofia do ventrículo esquerdo
• Dificuldade de engolir
• Fígado grande

SINTOMAS DA DOENÇA DE POMPE TARDIA
Os sintomas da doença de Pompe tardia são menos agressivos e a doença tem a tendência de evoluir lentamente, sendo a gravidade e amplitude de sintomas muito variáveis. Os sintomas da doença de Pompe podem ser:
• Fraqueza muscular progressiva
• Marcha instável, na ponta dos pés
• Dores na parte inferior das costas
• Reflexos profundos do tendão reduzidos
• Dificuldades para subir escadas
• Escápula alada (escápula muito evidente para fora das costas)
• Sinal de Gowers (apoio das mão para "escalar" o próprio corpo quando se abaixa)
• Atraso no desenvolvimento motor em crianças
• Presença de Lordose e escoliose
• Dificuldade respiratória em esforço
• Insuficiência respiratória
• Apneia do sono
• Infecções respiratórias
• Dificuldades na alimentação para mastigar e engolir
• Fígado aumentado de tamanho
• Dores de cabeça matinais
• Sonolência diurna
Redação: Tony Ribeiro

terça-feira, 20 de maio de 2014

REALIZAÇÃO DO II FORUM SOBRE DENGUE DA BAIXADA
ACONTECEU COM TOTAL SUCESSO
          Aconteceu neste dia 15 de maio, quinta feira, o II Fórum Sobre Dengue da Baixada Fluminense.  
          O evento contou com a participação de representantes de vários municípios da região além de órgãos do estado que ofereceram suporte técnico ao evento.  
          O Sub Secretário de Vigilância Ambiental em Saúde, Márcio Bravim, fez uma exposição das ações que estão sendo realizadas pelo município de B. Roxo.  
          O Dr. Marco Aurélio, Secretário de Saúde do município, falou da expectativa do fórum em auxiliar a redução dos índices de infestação do mosquito da dengue na região. Segundo ele, apesar do alto índice de infestação demonstrado em vários município da região, em B. Roxo a taxa é de 0,7%, ainda abaixo do limite tolerável que é de 1%.
Redação: Tony Ribeiro

quinta-feira, 15 de maio de 2014

POPULAÇÃO ELOGIA UBS CASEMIRO MEIRELLES
          Nossa equipe foi visitar a UBS Casemiro Meirelles, no bairro Vila Dagmar, para saber ao certo como o posto funciona, nossa equipe entrevistou pessoas do bairro.  
          A simplicidade do espaço físico do posto, não impediu que a população demonstrasse a ligação afetiva com a equipe que atende e os serviços que são oferecidos..  
          Além dos elogios feitos a administração, pudemos testemunhar a disposição de moradores do bairro em ajudar voluntariamente na estrutura da unidade.  
          É muito bom ver que a população está inserida no processo de desenvolvimento de um bem público, e ver que esse bem corresponde as expectativas desse público..
Redação: Tony Ribeiro

terça-feira, 13 de maio de 2014

TRABALHO DOS ACE DO MUNICÍPIO
          É preciso que a população tome consciência de sua importância na prevenção contra a dengue.  
          Apesar de parecer uma doença banal, a dengue é perigos e mata uma quantidade preocupante de pessoas infectadas.  
          Não existe vacina, por isso o único meio de evitar a dengue é tomando medidas preventivas, evitando água parada, que é onde o mosquito transmissor da dengue procria.  
          Receba bem o Agente de Combate a Endemias do município, que vai fazer o tratamento da água parada em sua casa e vai orientar em como você pode ajudar.
Redação: Tony Ribeiro

sexta-feira, 9 de maio de 2014

II FÓRUM SOBRE DENGUE NA BAIXADA FLUMINENSE
          No ano passado, a Prefeitura de Belford Roxo promoveu o I Fórum Sobre Dengue da Baixada.  
          A proposta é de haver um intercâmbio entre os municípios da região para que se possa otimizar as ações de maneira conjunta.  
          Este ano vai acontecer a segunda edição do evento que certamente contará com maior número de participantes, entre Secretários de Municípios e outros agentes atuantes na saúde.  
          O II FÓRUM SOBRE DENGUE DA BAIXADA FLUMINENSE, acontecerá este ano no dia 15 de maio no auditório da UNIABEU, em Belford Roxo, todos estão convidados a participar do evento. Grande oportunidade para conhecer as estratégias praticadas nos municípios da região
Redação: Tony Ribeiro